13 novembro 2014

Outono em Chicago

Já estou no Brasil há quase dois meses e, finalmente, os pensamentos saudosistas chegaram. Me refiro aos pensamentos sobre viagens e não à saudade que sinto todos os dias da minha princesinha (minha host kid). 

Enquanto revia minhas fotos na América, me deparei com estas de Chicago. Estive lá no outono passado (2013)  e a cidade estava ainda mais linda que o normal, com todas aquelas cores quentes nas árvores. Visitei a cidade uma vez, mas também passei por lá quando voltava de Missouri para Minnesota. Nessa última oportunidade, fiz questão de dar uma voltinha no centro enquanto estava de layover. Isso aconteceu dias antes de voltar pro Brasil, foi uma espécie de nostálgica despedida. 


Jay Pritzker Pavilion ao amanhacer
A Eternal Flame de Chicago que aquece os pombos quando o frio aperta

The Crown Fountain representa as pesssoas de Chicago. Foi criada por um artista espanhol chamado Jaume Plensa.
O impacto dessa obra à ceu aberto, bem no cento do Millenium Park, é algo para se lembrar.

Sculptures
Essas esculturas andróginas fazem parte da obra "Borders" de um artista islandês. Elas ficaram expostas no Grant Park entre Summer 2013 e Spring 2014.

Majestosa arquitetura e decoração do Chicago Cultural Center

"Uma biblioteca implica um ato de fé em que gerações, ainda em escuridão, esconde sinais em suas noites, em testemunhas de amanhecer". 

Wrigley Square - Millennium Park

Prédios na orla do Chicago River

Passeando à noite no centro da cidade. Na foto à direita estou em frente ao famoso Chicago Theatre. 


Chicago Theatre

Chicago é uma exposição de arte ao ar livre. Em qualquer rua do centro da cidade é possível se esbarrar em uma obra, inclusive de artistas badalados como Pablo Picasso. Essa escultura da foto é de Jean Dubuffet e se chama Standing Beast.